Menu

Um processo de cura interior

09 JAN 2017
09 de Janeiro de 2017

Saiba como trilhar um processo de cura interior

Ninguém se coloca sob o sol sem se queimar, sem sofrer as consequências. Com Deus acontece algo semelhante, pois ninguém se coloca na presença d’Ele sem ser beneficiado por Sua presença, e as marcas de Sua presença são irreversíveis para nossa salvação. Quando nós nos deixamos conduzir pelo Espírito Santo, Ele nos dá liberdade.

Nosso Senhor nunca pensou em nos trazer para perto d’Ele com a intenção de tirar nossa liberdade. Se Ele não quisesse que fôssemos livres, por que teria nos criado com liberdade?

Um processo de cura interiorFoto: Arquivo CN

A nossa liberdade ficou comprometida por causa de nossa culpa, porque quem peca se torna escravo do pecado. Pelo nosso pecado e pelos vícios que entraram em nossa vida nós ficamos debilitados. Foi para que fôssemos livres que o Pai do Céu nos enviou Jesus.

O Ressuscitado nos libertou de todo mal, de toda armadilha do inimigo de Deus, para que permaneçamos livres. No entanto, ninguém é livre na maldade.

Leia mais:

:: Oração de cura interior pelas etapas da vida
:: Dicas que ajudam no processo de cura interior
:: Votos íntimos: qual voz quero seguir?

Ninguém pode saber o que está em nosso interior se não abrirmos a boca e dizermos o que sentimos. O Senhor sabe quando não estamos bem, e o momento da oração é quando colocamos nossa perturbação na presença d’Ele. Quando rezamos, Deus Pai nos refaz, o Espírito Santo nos cura e liberta. Quando rezamos, colocamo-nos na presença do Altíssimo, expomo-nos a Ele e somos curados.

No momento em que conhecemos Deus, passamos a conhecer a nós mesmos. Por isso, rezar não é coisa para qualquer um. Na oração, Deus se revela a nós, e Ele também nos revela a nós mesmos. Se Ele nos revela uma coisa que não está boa, é porque precisamos consertá-la.

Nós precisamos de muito perdão e cura, e essas graças só Deus pode nos dar. Você e eu precisamos, na oração, pedir ao Espírito Santo que nos faça entrar em nosso coração e descobrir o que está ruim ali dentro.

A nossa vida inteira é um processo de cura interior. Enquanto estivermos com os pés, nesta terra, nossa vida será um processo de cura interior. Nós temos de nos apresentar diante de Deus, pois não existe ninguém que, tendo rezado ao Senhor, ele não lhe tenha respondido. E se Ele não o faz diretamente, faz por meio de uma pessoa ou de um fato. Por esse motivo, precisamos aprender a ouvi-Lo na oração, para conhecermos os planos que Ele tem para nossa vida, um plano de realização e felicidade.

Muitas vezes, nós não somos felizes, porque esse plano não se cumpre na nossa vida. Se não abrirmos o coração para a oração, correremos o sério risco de morrer sem conhecer o plano que Deus Pai tem para nós.

O Paráclito não entra no coração de uma pessoa perversa, Ele não habita em um corpo que está sendo usado para o pecado. Quem quiser receber de Deus uma resposta, quem quiser conhecer o Senhor e a si mesmo precisa lutar pela pureza e santidade.

O que é errado é errado hoje, foi errado ontem e será errado sempre! Não é porque a modernidade está aí, que o errado deixou de sê-lo. Talvez, o que necessitamos, hoje, seja abrirmos mão dessa pendência que está dentro de nós. O maligno tem pavor de gente que vive a pureza. Muitas graças são dadas, porque o Espírito Santo se achega ao homem que vive a pureza. O Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo tem poder de nos purificar. Pela força da santa cruz todo o mal é vencido! Queira viver a pureza.

Fonte: http://formacao.cancaonova.com/espiritualidade/um-processo-de-cura-interior/
Voltar

catolicajovem.com.br ©  2013-2016

Tenha você também a sua rádio